Deixe seu recado
+5511-3582-4187

Cidadania e Redes Digitais #2

a apresentação acima é apenas uma “palhinha” sobre o tema. vamos às anotações da palestra do Tim Wu…

– nada dura para sempre. [é assim mesmo que ele começa…]

– tecnologias vem e vão

– línguas inteiras desaparecem [aqui ele cita civilizações e linguas mortas]

– ciclo da comunicação: invenção > fundamentação > abertura > dominação

– se a comunicação melhorar, o mundo irá melhorar [supondo que os problemas nascem da falta de comunicação]

– esperanto: similar a internet hoje:

• 1 língua que todo o mundo poderá falar

• todos poderão ler o mesmo livro

• o mundo seria uma única [e feliz] família

[aqui um relato muito bem escrito, lúcido, simples e longe de ser simplório – Arthur Golgo Lucas, sobre o esperanto. este outro é mais complexo, mas aborda muito bem a questão da imposição do idioma inglês e o que isso significa para os EUA e Inglaterra – Robert Phillipson
Tradukis Reinaldo Ferreira
. mas existe uma corrente contrária que diz que o esperanto foi feito para dominar, que não havia nenhuma idéia boazinha por trás de sua criação, não achei nada na web sobre isso, apenas ouvi nos corredores… se eu achar alguma coisa eu complemento a informação.]

– uma era vira império da informação da outra

– surgem os ditadores da informação: o “ditador” enxerga o novo poder e cria a “ditadura” [aqui o sentido é de que uma pessoa descobre o potencial de dominação que tal conquista possibilitaria e parte para a luta!]

– comunicação e política:
• revolução
• idealismo
• ditador que domina por décadas

*

*** por enquanto é só pessoal!

bjs,
ana laura